TRADIÇÃO E CONFIABILIDADE DESDE 1980

CONVERSORES DE FREQUÊNCIA

50/60/400Hz

Utilizados na conversão entre duas quaisquer frequências de 50, 60  ou 400 Hz, em configuração monofásica ou trifásica, na entrada e na saída.

Os conversores com saída em 400 Hz são utilizados normalmente com equipamentos  de rádio navegação, radar, aeronaves,  submarinos, instrumentação, alguns tipos de computadores e laboratórios.

Os conversores 50/60 Hz são utilizados em locais onde a concessionária oferece energia em 50 Hz, sendo raramente necessários no Brasil.

Já os conversores 60/50 Hz têm sua aplicação com equipamentos especiais de procedência ou tempo de fabricação tal que requeiram alimentação em 50 Hz, ou em linhas de produção (teste) de equipamentos que se destinam à regiões alimentadas em 50 Hz.

OUTROS PRODUTOS - SEÇÃO I

CONVERSOR DE FREQUÊNCIA

LINHA CVFT 

Trifásico de 5 a 100kVA

cvft.jpg

 

DIMENSÕES E OPÇÕES DE GABINETES

Cores : Preto, cinza grafite e gelo

Tabela Dimensões CVFT.jpg

ESPECIFICAÇÕES BÁSICAS

Capacidades disponíveis : (outras sob consulta)

3, 4,  5,  8, 10, 12, 15, 18,  20,  25,  30,  35,  40,  50,  60, 80 e 100kVA. 

Tensão de entrada : 220V  ,  380V ou 440V, trifásico

Frequência de entrada : 60 ou 50 Hz +/- 5 %

Tensão nominal de saída do inversor : 115, 220, 380 ou 440V (escolhida no pedido)

Regulação estática da tensão  de saída : melhor que +/- 1% para variações da carga entre 5% e 100% do valor nominal.

Regulação dinâmica da tensão de saída : +/- 8% após degrau de carga de 50% a 100% do valor nominal ou vice-versa, ou na falta e retorno da rede ou no desligamento do retificador.

Tempo de restabelecimento : 5 a 7 ciclos para retorno do regime dinâmico ao regime estático após as perturbações citadas no ítem acima.

Frequência de saída : 50, 60, ou 400 Hz (escolhida no pedido).

Estabilidade da frequência : melhor que +/- 0,01%.

Distorção harmônica : máximo 5% total ou 3% para o harmônico de maior amplitude.

Assimetria máxima das tensões entre  fases : 5% para um desbalanceamento de carga máxima de 30% em relação à média aritmética dos valores eficazes das tensões entre fases.

Deslocamento máximo das fases de saída em relação a 120 graus : 3 graus, para um desbalanceamento de 30% de carga entre as fases.

Proteções :

Disjuntor na entrada do retificador.

Disjuntor na saída do inversor.

Fusível em todos os circuitos de controle e supervisão.

Proteção contra transientes nos semicondutores de potência.

Disjuntores ou fusíveis, para proteção das pontes inversoras.

Proteção contra sobrecarga no retificador através de limitação da corrente.

Partida suave em tensão e corrente no retificador e no inversor.

Sensores de tensão alta e baixa na saída do inversor.

Sensor de sobrecarga na saída do inversor com desligamento.  

Comandos Locais (via menu do visor LCD) : 

Ligar/Desligar retificador

Ligar/Desligar inversor

Sinalizações Locais (via visor LCD) : (opcional sinalizações remotas)

Inversor Anormal

Retificador Anormal

Rede anormal

Rede Alimenta

Inversor Alimenta

Sobrecarga

PAINEL DE MONITORAÇÃO

Painel CVF fundo branco.jpg
Painel Frontal CVFT.jpg

OUTROS PRODUTOS - SEÇÃO II

 

CONVERSOR DE FREQUÊNCIA

LINHA CVFM 

Monofásico de 1 a 30kVA 

cvfm conj.jpg

DIMENSÕES E OPÇÕES DE GABINETES

Opções para : tipo torre, padrão com porta frontal, fixação em parede e rack 19" . Cores : preto, cinza grafite ou gelo.

Tabela Dimensões CVFM.jpg

ESPECIFICAÇÕES BÁSICAS

Capacidades disponíveis : (outras sob consulta)

1, 1,5, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 10, 12, 15, 18, 20, 25 e 30 kVA

Tensão de entrada (escolhida no pedido) : Até 6 kVA – 110 ou 220V; acima de 6 kVA - 220 , 380V ou 440V

Frequência de entrada : 60 ou 50 Hz +/- 5 %

Tensão nominal de saída do inversor (escolhida no pedido): 115, 220, 380 ou 440V

Regulação estática da tensão  de saída : melhor que +/- 1% para variações da carga entre 5% e 100% do valor nominal.

Regulação dinâmica da tensão de saída : +/- 8% após degrau de carga de 50% a 100% do valor nominal ou vice-versa, ou na falta e retorno da rede ou no desligamento do retificador.

Tempo de restabelecimento : 5 a 7 ciclos para retorno do regime dinâmico ao regime estático após as perturbações citadas no ítem acima.

Frequência de saída (escolhida no pedido): 50, 60, 200 ou 400 Hz

Estabilidade da frequência : melhor que +/- 0,01%

Distorção harmônica : máximo 5% total ou 3% para o harmônico de maior amplitude

Proteções :

Disjuntor na entrada do retificador.

Disjuntor na saída do inversor.

Fusível em todos os circuitos de controle e supervisão.

Proteção contra transientes nos semicondutores de potência.

Proteção contra sobrecarga no retificador através de limitação da corrente.

Partida suave em tensão e corrente no retificador e no inversor.

Sensores de tensão alta e baixa na saída do inversor

Sensor de sobrecarga na saída do inversor com desligamento 

Comandos Locais (via menu do display) : 

Ligar/Desligar retificador

Ligar/Desligar inversor

Sinalizações Locais (via display LCD) : (opcional sinalizações remotas)

Inversor Anormal

Retificador Anormal

Rede anormal

Sobrecarga

Medições Locais (via display LCD) :

Tensão de saída

Corrente de saída

Frequência de saída

Tensão de entrada

Corrente de entrada